DISCURSO DE LIMA BARRETO NAS CRÔNICAS 15 DE NOVEMBRO E DE CASCADURA AO GARNIER: EMBATES DISCURSIVOS ENTRE EUGENIA E ETNICIDADE

Main Article Content

Dina Maria Martins Ferreira Auristela Rafael Lopes http://orcid.org/0000-0001-6492-5414

Resumo

Neste trabalho analisamos o fio discursivo de Lima Barreto, em trechos das crônicas 15 de Novembro e De Cascadura ao Garnier, a partir dos embates discursivos entre eugenia/etnicidade relacionando-os aos pares identidade/alteridade, buscando demonstrar os processos de construções discursivas da Negritude pensada como um movimento discursivo e social que tem em seu cerne a busca de eugenização na sociedade brasileira. O aporte teórico e metodológico deste trabalho se faz sob a perspectiva dos estudos da Análise do Discurso Francesa (Foucault, 2008, 2015; Maingueneau, 1997, 2010, 2015), que descortina campos e posicionamentos discursivos. Além destes pontos teóricos, Lima Barreto, ao transgredir os discursos hegemônicos, nos leva a uma cosmovisão carnavalesca (Bakhtin, 1999).

Article Details

Como Citar
MARTINS FERREIRA, Dina Maria; LOPES, Auristela Rafael. DISCURSO DE LIMA BARRETO NAS CRÔNICAS 15 DE NOVEMBRO E DE CASCADURA AO GARNIER: EMBATES DISCURSIVOS ENTRE EUGENIA E ETNICIDADE. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 13, n. 36, p. 521-546, maio 2021. ISSN 2177-2770. Disponível em: <https://abpnrevista.org.br/index.php/site/article/view/928>. Acesso em: 28 jul. 2021.
Seção
Artigos