MULHERES E ABOLIÇÃO: PROTAGONISMO E AÇÃO

Main Article Content

Wladimir Barbosa Silva Maria Renilda N. Barreto

Resumo

 Este artigo tem por objetivo analisar o protagonismo feminino durante a campanha abolicionista na segunda metade do século XIX, em algumas províncias brasileiras, através das sociedades, clubes e associações abolicionistas.  Embora a historiografia remeta aos homens o mérito pelo sucesso do movimento abolicionista, neste trabalho, procura-se mostrar que inúmeras mulheres também agiram em prol dos cativos. As senhoras abolicionistas como eram conhecidas, escreveram jornais, organizaram clubes e sociedades abolicionistas exclusivamente femininos, participaram em conjuntos com homens em sociedades e clubes mistos, libertaram escravos, mostrando um protagonismo até então pouco difundido na historiografia brasileira.  

Article Details

Como Citar
SILVA, Wladimir Barbosa; BARRETO, Maria Renilda N.. MULHERES E ABOLIÇÃO: PROTAGONISMO E AÇÃO. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 6, n. 14, p. 50-62, out. 2014. ISSN 2177-2770. Disponível em: <https://abpnrevista.org.br/index.php/site/article/view/129>. Acesso em: 18 set. 2020.
Seção
Dossiê Temático