AFROCÊNICA: POÉTICAS DE CENAS PRETAS

Main Article Content

Tássio Ferreira

Resumo

O presente trabalho reflete sobre a criação de um conceito acerca da observação de novas poéticas africanas e afrodiaspóricas da cena teatral contemporânea. Para isto, relacionamos o referido conceito a uma proposta metodológica de ensino das artes, intitulada Pedagogia da Circularidade. Esta diretriz considera a cognição de qualquer processo por uma perspectiva descolonizada, compreendendo o indivíduo integralizado no processo, como proponente direto de ações e partilhas de conhecimento, desierarquizando o saber e a produção artística. Nestas reflexões agrupamos algumas estratégias de criação, com exemplos claros, especificamente na produção de três grupos: Grupo Elinga-Teatro (1988, Luanda, Angola), Bando de Teatro Olodum (1990, Salvador, Bahia, Brasil) e NATA (1998, Alagoinhas, Bahia, Brasil). De modo que, trançaremos esta pesquisa com o conceito de campo expandido de Illena Diéguez (2014).

Article Details

Como Citar
FERREIRA, Tássio. AFROCÊNICA: POÉTICAS DE CENAS PRETAS. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 11, n. 27, p. 86-112, fev. 2019. ISSN 2177-2770. Disponível em: <http://abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/666>. Acesso em: 15 nov. 2019.
Seção
Dossiê Temático