ENSINO DAS HISTÓRIAS E CULTURAS AFRICANAS, AFRO-BRASILEIRAS E INDÍGENAS ENTRECRUZADAS: PARADIGMA DA CONTRIBUIÇÃO, PEDAGOGIA DO EVENTO E EMANCIPAÇÕES NA EDUCAÇÃO BÁSICA

Main Article Content

Leandro Bulhões

Resumo

 “Como tratar as Leis 10.639/03 e a 11.645/08 para além da “pedagogia do evento” e do paradigma da contribuição?” foi uma pergunta orientadora deste artigo. Pensamos algumas pistas que podem auxiliar nesta discussão no Ensino de História na educação básica, por meio da articulação e entrecruzamento das histórias e culturas africanas, afro-brasileiras e indígenas. Os objetivos foram qualificar os debates sobre a educação das relações étnico-raciais; discutir a empatia entre os sujeitos destes coletivos e de explorar as possibilidades de compreensão de questões contemporâneas que tocam diretamente estes povos entre estratégias de luta contra o racismo e de buscas por caminhos de expressão e/ou elaboração de soberanias intelectual, política, cultural, econômica.

Article Details

Como Citar
BULHÕES, Leandro. ENSINO DAS HISTÓRIAS E CULTURAS AFRICANAS, AFRO-BRASILEIRAS E INDÍGENAS ENTRECRUZADAS: PARADIGMA DA CONTRIBUIÇÃO, PEDAGOGIA DO EVENTO E EMANCIPAÇÕES NA EDUCAÇÃO BÁSICA. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 10, n. Ed. Especi, p. 22-38, jun. 2018. ISSN 2177-2770. Disponível em: <http://abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/596>. Acesso em: 17 dez. 2018.
Seção
Caderno Temático